#SIA2020

Ariadne Pires Barbosa

https://soundcloud.com/associacao-de-arquivistas-de-sp-arq-sp/ariadne-pires-barbosa


Título: A experiência de monitoria na disciplina de Arquivologia e Ciência da Informação: relatos da relação do ensino, pesquisa e aprendizagem.

Área temática: Formação profissional

Autores: Ariadne Pires Barbosa

Palavras-Chave: Monitoria; Interdisciplinaridade; Arquivologia; Ciência da Informação; Epistemologia.



Resumo: Este trabalho visa relatar a experiência como bolsista (monitoria) no projeto de ensino “Fundamentação teórica da Arquivologia: aprendendo e ensinando com a epistemologia do campo e a interdisciplinaridade”, coordenado pela Profa. Dra. Rosale de Mattos Souza na disciplina de Arquivologia e Ciência da Informação, no Curso de Bacharelado de Arquivologia, da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, durante o período de 2019-2020. A monitoria de ensino tem como objetivo levar os discentes com bom aproveitamento na educação superior às atividades de ensino e pesquisa, aproximando-o da vida acadêmica e da docência, supervisionado por um professor. O monitor colabora no ensino-aprendizado dos estudantes e ajuda a esclarecer as dúvidas, encaminha os textos solicitados, faz interferências que venham a contribuir no esclarecimento da matéria, ajuda na avaliação dos trabalhos, promove a troca de conhecimentos, controla a frequência, facilitando a qualidade do ensino. Observamos que alguns alunos que ingressam no curso de Arquivologia são egressos dos cursos de bacharelado em história, administração, informática e de atividades administrativas, mas de forma geral buscam na Arquivologia uma profissão com oportunidades profissionais, já que o mercado de trabalho para os arquivistas é promissor. Temos no Plano de Aula da disciplina os seguintes itens: Os impactos das tecnologias da informação e da Comunicação no mundo contemporâneo; a interdisciplinaridade entre a Arquivologia e a Ciência da Informação; Ciências sociais aplicadas; a comparação entre Arquivos, Bibliotecas, e Centros de Documentação. Além dos seus objetos de estudo, tais como os Arquivos, conjuntos documentais, documentos, a informação orgânica registrada; princípios e características, metodologias, funções, correntes de pensamento da área no Brasil e no mundo, a produção científica da Arquivologia no país. Finalmente, o estudo da Bibliografia, da Documentação e da Ciência da Informação. No que diz respeito à associação entre ensino e pesquisa, quanto ao aspecto teórico-metodológico da disciplina, a literatura de forma interdisciplinar entre a Arquivologia e a Ciência da Informação, com a História, a Diplomática, o Direito, a Administração. Além disso, tanto a professora quanto a monitora observaram em sala de aula como os alunos refletem sobre os impactos destes conhecimentos na compreensão das características da nossa área de conhecimento. No aspecto prático do ensinoaprendizagem da disciplina os alunos são introduzidos na leitura, análise, interpretação de textos e nas discussões em sala de aula, sendo as dificuldades apresentadas e discutidas pela professora e a monitora. Como critérios de avaliação, a professora apresenta estudos dirigidos, fichamentos, participação em sala de aula, trabalhos em grupo. Desta forma, observamos o desenvolvimento dos alunos, tendo em vista sempre o despertar da perspectiva do vir a ser um “arquivista-pesquisador”, a fim de facilitar o pensar nas suas atividades e ações como futuros arquivistas. Para estimular esta constante reflexão são realizados dois seminários ao longo do semestre, nos quais são discutidos os temas passados em sala de aula através de grupos de alunos. Sendo que os temas são divididos por grupos: um seminário é sobre a Arquivologia e outro seminário é sobre correntes de pensamento da Ciência da Informação, seus conceitos e perspectivas. Constatou-se o aproveitamento dos alunos quanto às teorias e aspectos práticos da área de Arquivologia. Assim, concluímos que a disciplina de Arquivologia e Ciência da Informação vem contribuindo para os alunos no diálogo interdisciplinar, no espírito crítico e de pesquisa, levando-os à entrada no mercado de trabalho de forma mais consciente do seu papel na sociedade.

10 visualizações0 comentário
Associe-se à ARQ-SP
  • c65f9eac24be62dfdcc5f509a32930f8-curso-d
  • Facebook - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle